Livro: resultados da experiência com professores iniciada em 2014

A aventura começou há oito anos, como lembra Vítor Tomé. E deu um passo marcante a 14 de novembro de 2022, com a publicação da obra que relata a história da experiência e partilha dos resultados da “Academia de Cidadania Digital”. O livro, “Empowering Communities with Media Literacy – The Critical Role of Young Children” (“Capacitar comunidades na literacia mediática – o papel crítico das crianças”) , assinado por Vítor Tomé e Belinha S. Abreu, foi publicado pela Peter Lang New York.

A investida em literacia mediática partiu da formação de professores, em Caneças, norte de Lisboa, para se tornar um projeto comunitário, que envolveu alunos, famílias e agentes da comunidade educativa. O projeto dinamizou-se a partir das preocupações manifestadas pelos alunos. Estas foram a matéria prima para o desenvolvimento de atividades que começaram por envolver 400 crianças do ensino pré-escolar e primário. O perito em literacia mediática apresenta algumas das conclusões nesta matéria.

https://combatefakenews.lusa.pt/criancas-devem-assumir-papeis-de-lideranca-para-serem-cidadaos-interventivos-investigador/

Vítor Tomé, especialista do Conselho da Europa e da Comissão Europeia para a área da literacia mediática, e coordenador do projeto Iberifier, na área da literacia mediática, foi o maestro desta operação gigantesca.

Em oito anos, o trabalho desenvolvido em Caneças foi apresentado como um exemplo a reter neste domínio científico em países como os Estados Unidos, Austrália, Brasil, Filipinas, Geórgia, Letónia e Chipre.

Otros artículos

Iberifier asesora al Congreso de los Diputados con evidencia científica sobre desinformación

La Oficina C, Oficina de Ciencia y Tecnología del Congreso de los Diputados en España, ha publicado recientemente un informe sobre Desinformación en la era digital. Este documento reúne evidencia científica en torno a...

Congresso dos Jornalistas: “A desinformação triunfa quando consegue que as pessoas duvidem de tudo”, diz Ramón Salaverría

O coordenador principal do projeto IBERIFIER, Ramón Salaverría, declarou no painel dedicado à literacia que integrou o V Congresso dos Jornalistas, que decorreu em Lisboa de 18 a 21 de janeiro, que o jornalismo...

Investigador IBERIFIER: Miguel Crespo é o novo director do Cenjor, escola de referência para jornalistas

O investigador do IBERIFIER Miguel Crespo é o novo director do Centro Protocolar de Formação Profissional para Jornalistas, Cenjor. Miguel Crespo é professor no ISCTE - IUL, Instituto Universitário de Lisboa, especialista em novos...

Relatório sobre tendências de média: o desafio da diferenciar o jornalismo de outros conteúdos

O documento sobre "as tendências e inovação dos média no ecossistema português e espanhol", produzido pelo IBERIFIER e publicado no dia 10 de janeiro, aponta, além de tendências, alguns desafios à atividade jornalística. Um...

Novo relatório IBERIFIER: IA, verificação de factos e formatos visuais entre as tendências de média para os próximos anos

O primeiro relatório deste ano do Observatório Ibérico de Média Digitais e da Desinformação, IBERIFIER, é sobre o tema das novas tendências de média para 2025/2030. Entre as conclusões do documento "Análise de tendências...